ATENDIMENTO: atendimento@imponline.com.br

Concurso TJDFT: estude para Analista e Técnico ao mesmo tempo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

Muito aguardado, o novo concurso do TJDFT está com inscrições abertas até 14 de março com 112 vagas para Analista e Técnico. E tem muitos candidatos se perguntando se é possível aproveitar a preparação e fazer as provas para dos dois cargos.

A nossa resposta é sim. Quer saber como? A gente te mostra.

Palavra do especialista!

Segundo o nosso professor Sérgio Gaúcho, bacharel em Direito, pós graduado em Direito Constitucional e servidor público do TJDFT, quem está se preparando para o cargo de Analista pode aproveitar o conhecimento e estudar, também, para a prova de Técnico.

“Acho que o candidato deve aproveitar as duas oportunidades para o concurso do TJDFT, tendo em vista que as disciplinas são bem semelhantes. As duas chances e a preparação para Analista acabam preparando o candidato para Técnico”, explica ele.

Neste artigo você vai encontrar:

  • As matérias comuns aos dois cargos;
  • As matérias diferentes;
  • Como montar um bom planejamento de estudo;
  • Estratégia de planejamento de estudo e revisão.

Então, aproveite a leitura, coloque as dicas em prática e se prepare para sua aprovação no concurso do TJDFT.

Como montar um bom planejamento de estudo que contemple os dois cargos?

Sugiro que quem for realizar as duas provas, foque no conteúdo de Analista por ser mais abrangente, assim, automaticamente está se preparando para técnico também.

Quais as matérias são comuns para os cargos de Técnico e Analista?

Na parte de Conhecimentos Básicos temos em comum Língua Portuguesa, Ética e Legislação do Tribunal. Já em Conhecimentos Específicos, as matérias são praticamente as mesmas. Sendo que, no cargo de técnico está sendo cobrado Noções de Administração Pública, que não é cobrado para Analista. Mas vale ressaltar que o conteúdo de Analista é mais abrangente.

Quais as matérias são diferentes para cada cargo?

No concurso de Técnico está sendo cobrada Administração Pública, o que não está sendo exigido para Analista. No entanto, os conteúdos de Analista, dentro de cada disciplina, são bem mais abrangentes, englobando mais assuntos.

Resolução de exercícios e refazer provas da FGV para concursos de Tribunais é uma boa estratégia?

Com certeza. Principalmente no concurso do TJDFT, tendo em vista que é a primeira vez que a FGV realiza essa prova. A forma de abordagem dessa banca é bem diferente do CESPE que realizou os concursos anteriores.

Qual seu conselho para quem está nesta missão?

Primeiramente, estudar muito, sem se preocupar com concorrência. Em concurso público, o principal concorrente é o próprio candidato. Dessa forma, o importante é se dedicar a estudar o máximo de horas possível, fazer muitas questões de concurso e revisão constante para ir memorizando os conteúdos.

Raio X: concurso TJDFT 2022

  • Situação: edital publicado 
  • Banca: FGV
  • Cargos: Técnico e Analista
  • Vagas: 112 vagas
  • Escolaridade: níveis médio e superior
  • Salários: até R$ 12 mil iniciais
  • Inscrições: 7 de fevereiro até o dia 14 de março.

Leia também:

TJDFT: edital publicado com remuneração inicial de R$7.591,39

Concursos 2022: a retomada das grandes seleções

TJDFT: como ser aprovado no concurso

Categorias

Notícias recentes

Curta o IMP Online

Fique por dentro

Se inscreva já pra receber as notícias em primeira mão!

Concursos em Destaque