Concurso CNU: retificação às vésperas do encerramento das inscrições!

Concurso CNU: retificação às vésperas do encerramento das inscrições!

CNU (Concurso Nacional Unificado) alcançou nesta quarta-feira (07/02) a marca de 1,7 milhão de inscritos e já é considerado o maior concurso público da história em termos de participantes.

Dada tal dimensão é fundamental que os inscritos fiquem atentos às retificações no edital do CNU, como aquelas publicadas no Diário Oficial nesta quinta-feira, 8 de fevereiro.

Questões relacionadas às vagas para pessoas com deficiência (PcD) foram revisadas no edital e merecem atenção.

Além disso, diversas alterações pontuais referentes a formações específicas e avaliação de títulos de cada bloco foram feitas.

Vale lembrar que o CNU oferece 6.640 vagas imediatas, subdivididas oito editais de especialidades para mais de 20 órgãos públicos e ministérios. As inscrições vão até esta sexta-feira (09/02).

Você entre os melhores

Realmente, o CNU é oportunidade única para ingressar no serviço público. Venha estudar no IMP Concursos e garanta já sua vaga. Clique no link a seguir e fale com um de nossos consultores.

QUERO SER APROVADO NO CNU

Resumo da retificação

Confira a seguir nosso resumo ou acesse aqui o edital de retificação.

  • Bloco 1 - Acerca da formação para a vaga de Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas, Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas (Geoprocessamento) foi acrescentada a ressalva "e outras afins àquelas aqui listadas".
  • Bloco 2 - Registro em conselho da classe é agora exigência para a vaga de Estatístico no Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos (MGI); Alterações no conteúdo programático em Gerência e Suporte da Tecnologia da Informação (Eixo 3); modificações na avaliação de títulos.
  • Bloco 3 - Para o cargo de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do MGI não há mais requerimento de especialidade do participante; à formação exigida para Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas em Análise Ambiental acrescentou-se a ressalva "e outras afins àquelas aqui listadas", além da inclusão do curso de Planejamento Territorial à formação exigida; modificações na avaliação de títulos.
  • Bloco 4 - Exigência de registro em conselho de classe para o cargo de Psicólogo no MGI; modificações na avaliação de títulos.
  • Bloco 5 - Adição do cargo de Analista Técnico de Políticas Sociais do MGI na terceira etapa; alterações referentes à vaga de Especialista em Indigenismo na Funai; ressalva feita à áreas afins na formação para a vaga de Pesquisador no IBGE; modificações e revisão no quadro de avaliação de títulos.
  • Bloco 6 - Exigência de registro em conselho de classe para o cargo de Economista em diversos órgãos; modificação na avaliação de títulos.
  • Bloco 7 - Exigência de registro em conselho de classe para o cargo de Arquivista da AGU e MGI; alteração no local de exercício dos cargos de Especialista em Indigenismo da Funai e Tecnologista do IBGE; modificações na avaliação de títulos.
  • Bloco 8  Item 7.1.1.1.2.1.3 suprimido  e inclusão da Especialidade Nível Médio do IBGE nas provas de títulos; inclusão da modalidade Técnico em Agropecuária na formação exigida para Agentes na área.

Resumão

Garanta já sua aprovação estudando com o IMP Concursos.

Tudo o que você precisa saber do mundo dos concursos públicos em um só lugar!

Entre agora para o grupo de notícias do IMP Concursos no whatsapp e fique por dentro de todas as novidades em tempo real! Clique no botão abaixo:

QUERO FICAR BEM INFORMADO

 

Voltar para o blog

Ficou com alguma dúvida?

Entre em contato com o nosso atendimento