Concurso CNU: conheça o edital do bloco 8; quase 700 vagas!

Concurso CNU: conheça o edital do bloco 8; quase 700 vagas!

Está publicado o edital do concurso CNU (Concurso Nacional Unificado) e um dos blocos mais atrativos do certame é o bloco 8 - Nível Intermediário.

Do total da seleção, são ofertadas quase 700 oportunidades apenas para esta segmentação. Os órgãos contemplados são os seguintes:

  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE: 300 vagas
    • Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas
    • Nível médio
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas – FUNAI: 152 vagas
    • Técnico em Indigenismo
    • Nível médio
  • Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA: 100 vagas
    • Agente de atividades agropecuárias
    • Curso Técnico Agrícola com registro Conselho de Classe
  • Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA: 100 vagas
    • Agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal
    • Curso Técnico Agrícola com registro Conselho de Classe
  • Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA: 40 vagas
    • Técnico de laboratório
    • Curso Técnico em Biotecnologia, Análise Clínicas, Metrologia, Química, Agroindústria, Alimentos, Farmácia, Viticultura e Enologia, com registro em Conselho de Classe

Você entre os melhores

Esta é uma oportunidade única de se tornar servidor e garantir sua estabilidade. Clique no link abaixo para mais detalhes:

QUERO SER APROVADO NO CONCURSO CNU

Concurso CNU: quais são as remunerações do bloco 8?

Conforme consta no edital de abertura do concurso CNU, as remunerações podem ultrapassar os R$ 7,4 mil. Confira:

  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE: R$ 4.008,24
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas – FUNAI: R$ 5.331,31
  • Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA: R$ 7.436,29
  • Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA: R$ 7.436,29
  • Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA: R$ 7.436,29

Como se inscrever?

Os interessados devem acessar o site da Fundação Cesgranrio, banca organizadora responsável pelo certame.

O prazo inicia às 10 horas do dia 19 de janeiro e seguem abertas até s 23 horas e 59 minutos do dia 9 de fevereiro.

Para homologar a participação deve realizar o pagamento da taxa, estipulada no valor de R$ 60. 

Provas do concurso CNU - bloco 8

Como forma de avaliação, os candidatos serão submetidos à duas etapas, sendo elas as seguintes:

Primeira etapa

  • a) primeira fase: exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de provas objetivas e Redação, de caráter classificatório e eliminatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
  • b) segunda fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência para verificar se efetivamente se trata de pessoas com deficiência, bem como a compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência apresentada pelos candidatos, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;
  • c) terceira fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros na forma das disposições da Instrução Normativa MGI nº 23, de 25 de julho de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.
  • d) quarta fase: procedimento de verificação documental complementar para concorrer às vagas reservadas aos candidatos indígenas para os cargos da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) atendendo ao Decreto nº 11.839, de 21 de dezembro de 2023 e a Portaria Conjunta MGI/MPI/FUNAI nº 63, de 26 de dezembro de 2023, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio;

Segunda etapa

  • Segunda Etapa: destinada a Avaliação de títulos, quando couber, de caráter classificatório, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio.

Provas objetivas 

As avaliações objetivas estão previstas para serem aplicadas no dia 5 de maio e compostas por 60 questões, de múltipla escolha, baseadas nas seguintes matérias:

  • Língua Portuguesa:15 questões
  • Noções de Direito: 15 questões
  • Matemática: 15 questões
  • Realidade Brasileira:15 questões

De acordo com o edital, o candidato que obtiver aproveitamento inferior a 30% da pontuação nas Provas Objetiva será eliminado do certame.

As provas serão aplicadas em dois turnos, sendo: 

  • prova objetiva de Língua Portuguesa e a Prova de Redação - turno da manhã e terão duração de 2 horas e 30 minutos
  • prova objetiva de Noções de Direito, Matemática e Realidade Brasileira - turno da tarde e terão duração de 3 horas 

Prova de redação

Já na prova de redação, será cobrado um texto que deve ser elaborado de acordo com o tema proposto. 

Ao todo, a avaliação valerá 100 pontos e será de caráter eliminatório e classificatório.

Os critérios utilizados para correção dos textos serão os seguintes:

  • a) adequação ao tema proposto
  • b) adequação ao tipo de texto solicitado
  • c) emprego apropriado de mecanismos de coesão (referenciação, sequenciação e demarcação das partes do texto)
  • d) capacidade de selecionar, organizar e relacionar de forma coerente argumentos pertinentes ao tema proposto
  • e) pleno domínio da modalidade escrita da norma-padrão

O que estudar para o concurso CNU - bloco 8?

Veja abaixo o conteúdo programático previsto para as provas do concurso CNU - bloco 8, segundo o edital:

LÍNGUA PORTUGUESA

  • 1 Compreensão de textos. 2 A organização textual dos vários modos de organização discursiva. 2 Coerência e coesão. 3 Ortografia. 4 Classe, estrutura, formação e significação de vocábulos. 5 Derivação e composição. 6 A oração e seus termos. 7 A estruturação do período. 8 As classes de palavras: aspectos morfológicos, sintáticos e estilísticos. 9 Linguagem figurada. 10 Pontuação.

 

NOÇÕES DE DIREITO

  • I – DIREITO E GARANTIAS FUNDAMENTAIS: Direitos e deveres individuais e coletivos; direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade; direitos sociais; nacionalidade; cidadania; garantias constitucionais individuais; garantias dos direitos coletivos, sociais e políticos.
  • II – A ORGANIZAÇÃO DO ESTADO: Administração pública (artigos de 37 a 41, da Constituição Federal de 1988).
  • III - DIREITO ADMINISTRATIVO: 1 Direito administrativo: conceito, fontes e princípios. 2 Organização administrativa da União; administração direta e indireta. 3 Agentes públicos: poderes, deveres e prerrogativas; cargo, emprego e função públicos; Regime Jurídico Único (Lei nº 8.112/1990 e suas alterações): provimento, vacância, remoção, redistribuição e substituição; direitos e vantagens; regime disciplinar; responsabilidade civil, criminal e administrativa. 4 Poderes administrativos: poder hierárquico; poder disciplinar; poder regulamentar; poder de polícia; uso e abuso do poder. 5 Ato administrativo: validade, eficácia; atributos; extinção, desfazimento e sanatória; classificação, espécies e exteriorização; vinculação e discricionariedade. 6 Serviços Públicos: conceito, classificação, regulamentação e controle; delegação: concessão, permissão, autorização. 7 Controle e responsabilização da administração: controle administrativo; controle judicial; controle legislativo; responsabilidade civil do Estado. Sanções aplicáveis aos atos de improbidade administrativa (Lei nº 8.429/1992 e suas alterações). 8 Lei do Processo Administrativo (Lei no 9.784/1999 e suas alterações).

MATEMÁTICA

  • 1 Conjuntos numéricos: naturais, inteiros, racionais e reais; múltiplos, divisores, números primos; potências e raízes. 2 Sistemas de Unidades de Medidas: comprimento, área, volume, massa e tempo. 3 Razão e proporção: regra de três simples e regra de três composta; porcentagem, juros simples e juros compostos. 4 Equação do 1º grau, equação do 2º grau, sistemas de equações; equações exponenciais e logarítmicas. 5 Funções: afins, quadráticas, exponenciais, logarítmicas. 6 Progressões aritméticas e geométricas. 7 Análise combinatória: princípio fundamental da contagem, permutação, arranjo e combinação. 8 41 Probabilidade. 9 Estatística básica: leitura e interpretação de dados representados em tabelas e gráficos; medidas de tendência central (média, mediana, moda); 10 Geometria plana: polígonos, circunferência, círculo, teorema de Pitágoras, trigonometria no triângulo retângulo; perímetros e áreas. 11 Geometria espacial: prisma, pirâmide, cilindro, cone e esfera; áreas e volumes.

REALIDADE BRASILEIRA

  • 1 Formação do Brasil contemporâneo: 1.1 Da independência à República. 1.2 Primeira República: elite agrária e a política da economia cafeeira. 1.3 O Estado Getulista. 1.4 Democracia e rupturas democráticas na segunda metade do século XX; 1.5 A redemocratização e a busca pela estabilidade econômica. 2 História dos negros no Brasil: luta antirracista, conquistas legais e desafios atuais. 3 História dos povos indígenas do Brasil: luta por direitos e desafios atuais. 4 Dinâmica social no Brasil: estratificação, desigualdade e exclusão social. 5 Manifestações culturais, movimentos sociais e garantia de diretos das minorias. 6 Desenvolvimento econômico, concentração da renda e riqueza. 7 Desenvolvimento sustentável e meio ambiente. 8 Biomas brasileiros: uso racional, conservação e recuperação. 9 Matriz energética: fontes renováveis e não renováveis; mudança climática; transição energética. 10 População: estrutura, composição e dinâmica. 11 Desenvolvimento urbano brasileiro: redes urbanas; metropolização; crescimento das cidades e problemas urbanos. 12 Infraestrutura urbana e segregação socioespacial. 13 Desenvolvimento rural brasileiro: estrutura e concentração fundiária; sistemas produtivos e relação de trabalho no campo. 14 A inserção do Brasil no sistema internacional. 15 Estado Democrático de Direito: a Constituição de 1988 e a afirmação da cidadania.

Nosso time de especialistas preparou uma live especial para quem se interessa pelo edital do bloco 8. Assista, na íntegra, abaixo:

Resumão CNU

Tudo o que você precisa saber do mundo dos concursos públicos em um só lugar!

Entre agora para o grupo de notícias do IMP Concursos no whatsapp e fique por dentro de todas as novidades em tempo real! Clique no botão abaixo:

QUERO FICAR BEM INFORMADO

Voltar para o blog

Ficou com alguma dúvida?

Entre em contato com o nosso atendimento