Concurso CNU: 6.640 vagas; provas 5 de maio!

Concurso CNU: 6.640 vagas; provas 5 de maio!

Concurso Nacional Unificado (CNU) é a inovação em modelos de seleção de candidatos ao serviço público trazida pelo Ministério da Gestão e Inovação (MGI) para o ano de 2024. O CNU ficou conhecido como "Enem dos Concursos" por unificar a seleção para mais de 20 órgãos do Executivo Federal e bateu todos os recordes de inscrições, com o marco de 2,1 milhões de candidatos. 

Para te ajudar a sobressair no CNU, o IMP Concursos trouxe diferentes propostas de preparatório que vão te colocar em curso de aprovação. Você ficará inteirado de tudo que cai na prova segundo o edital, além de acessar dicas, esquemas, exercícios e muito mais. Fique mais competitivo e preparado para prova. Vem pro IMP: você entre os melhores.

1. Situação atual

2. O que é o CNU?

3. Vagas

4. Provas

5. Relação de inscritos

6. Como devo me preparar?

7. O que estudar para as provas?

Situação atual

O Concurso Nacional Unificado encontra-se no momento com inscrições encerradas. Os candidatos que homologaram sua participação com o pagamento da taxa aguardam o calendário de avaliação. A primeira etapa, de aplicação das provas objetivas e discursivas, ocorrerá no dia 5 de maio.

Foram 2.144.435 inscrições confirmadas. Segundo dados do MGI, mais de 50% das inscrições são de pessoas com renda de até 3 salários mínimos. O que reflete no número de isenções confirmadas, mais de 600mil – enquanto os pagantes é de 1,5 milhão.

5.555 municípios tem candidatos inscritos, bem como os locais de provas se darão por logística que garantirá que nenhum candidato fará a prova em locais com distância superior a 100km de suas cidades.

Um dado que recebeu comemoração do MGI foi o comparativo entre candidatas mulheres em relação aos homens. Elas representam 56% das inscrições confirmadas, enquanto o público masculino é de 44%. A comemoração se deve ao fato de que, hoje, no setor público, o número de homens entre os quadros dos órgãos é maior do que o de mulheres, e o CNU pode ajudar a equilibrar mais este cenário.

    O que é o CNU?

    Concurso Público Nacional Unificado, o CNU (ou CPNU) é a novidade em seleção de servidores públicos trazida pelo MGI em 2024. Trata-se da realização conjunta de concursos para diferentes órgãos do Executivo nacional – sendo 21 instituições para esta edição – subdivididos em 8 blocos temáticos.

    O objetivo deste novo modelo, segundo o ministério, é a democratização de oportunidades de acesso aos cargos públicos, além da padronização e aprimoramento de métodos de seleção. O ministério aponta ainda a capacidade deste modelo em garantir a impessoalidade na seleção de candidatos, garantindo um processo ainda mais idôneo.

    Vagas

    Serão 6.640 ofertadas e divididas nos 8 blocos temáticos. Confira a seguir a listagem de cargos disponíveis.

    Bloco 1: Infraestrutura, Exatas e Engenharias 727 vagas
    Arquiteto (AGU) 5 vagas
    Engenheiro (AGU) 18 vagas
    Especialista em regulação de serviços públicos de energia (Aneel) 10 vagas
    Especialista em indigenismo - Engenharia (Funai) 20 vagas
    Especialista em indigenismo - Arquitetura (Funai) 1 vaga
    Analista de gestão e infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas – Especialidades de Arquitetura, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Geoprocessamento (IBGE) 13 vagas
    Tecnologista em informações geográficas e estatísticas – Especialidades de Geoprocessamento, Engenharia de produção, gestão em pesquisa, cartografia e geodésia (IBGE) 120 vagas
    Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário - Engenharia (Incra) 128 vagas
    Analista em ciência e tecnologia - Engenharia Elétrica ou Eletrônica (Mapa) 2 vagas
    Analista em ciência e tecnologia - Engenharia (MCTI) 51 vagas
    Analista de infraestrutura (AIE) nas áreas de Engenharia e Arquitetura (MGI) 270 vagas
    Arquiteto (MGI) 14 vagas
    Engenheiro (MGI) 68 vagas
    Especialista em políticas públicas e gestão governamental – EPPGG (MGI) 5 vagas
    Tecnologista - Engenharia Civil ou Arquitetura (MS) 2 vagas

     

    Bloco 2: Tecnologia, Dados e Informação 597 vagas
    Estatístico (AGU) 7 vagas
    Especialista em indigenismo - Estatística (FUNAI) 1 vaga
    Analista de planejamento, gestão e infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas – especialidades: Desenvolvimento e Tecnologia da Informação; Redes e telecomunicações; infraestrutura e suporte de Tecnologia da Informação (IBGE) 70 vagas
    Pesquisador em Informações Geográficas e Estatísticas - Estatística (IBGE) 4 vagas
    Tecnologista em informações geográficas e estatísticas – especialidades: métodos quantitativos; ciência de dados; web design e produção gráfica; estatística (IBGE) 48 vagas
    Analista administrativo - Tecnologia da Informação (INCRA) 6 vagas
    Pesquisador-tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais (INEP) 20 vagas
    Analista em ciência e tecnologia - Tecnologia da Informação (Mapa) 20 vagas
    Analista em ciência e tecnologia - Tecnologia da Informação (MCTI) 11 vagas
    Analista em ciência e tecnologia - Ciências de Dados (MCTI) 8 vagas
    Analista em ciência e tecnologia - Políticas Públicas de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) 17 vagas
    Analista em Tecnologia da Informação – ATI (MGI) 300 vagas
    Analista técnico de políticas sociais (ATPS) - Tecnologia da Informação (MGI) 20 vagas
    Especialista em políticas públicas e gestão governamental (MGI) 15 vagas
    Estatístico (MGI) 12 vagas
    Tecnologista - Tecnologia da Informação (MS) 32 vagas
    Analista administrativo - Tecnologia da informação (Previc) 6 vagas

     

    Bloco 3: Ambiental, Agrário e Biológicas 530 vagas
    Especialista em indigenismo - Engenharia Agronômica (Funai) 31 vagas
    Especialista em indigenismo - Engenharia Florestal (Funai) 2 vagas
    Especialista em indigenismo - Análise pecuária (Funai) 4 vagas
    Pesquisador em Informações Geográficas e Estatísticas – Geografia (IBGE) 2 vagas
    Tecnologista em informações geográficas e estatísticas – Especialidades de Análise florestal; análise agrícola e pecuária; análise ambiental; Biologia; Geografia (IBGE) 27 vagas
    Auditor-fiscal federal agropecuário - Engenheiro Agrônomo (Mapa) 116 vagas
    Auditor-fiscal federal agropecuário - Médico Veterinário (Mapa) 55 vagas
    Auditor-fiscal federal agropecuário - Químico (Mapa) 12 vagas
    Auditor-fiscal federal agropecuário - Farmácia (Mapa) 11 vagas
    Auditor-fiscal federal agropecuário - Zootecnista (Mapa) 6 vagas
    Tecnologista - Meteorologista ou Ciências Atmosféricas (Mapa) 40 vagas
    Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário - Engenharia (Incra) 17 vagas
    Engenheiro Agrônomo (Incra) 159 vagas

     

    Bloco 4: Trabalho e Saúde do Servidor 971 vagas
    Médico (AGU) 3 vagas
    Psicólogo (Funai) 10 vagas
    Especialista em Indigenismo - Psicologia (Funai) 6 vagas
    Analista técnico de políticas sociais – ATPS (Funai) 20 vagas
    Especialistas em políticas públicas e gestão governamental – EPPGG (Funai) 10 vagas
    Médico (MGI) 20 vagas
    Psicólogo (MTE) 2 vagas
    Auditor-fiscal do trabalho – AFT (MTE) 900 vagas

     

    Bloco 5: Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos 1016 vagas
    Técnico em assuntos educacionais - Pedagogia (AGU) 20 vagas
    Técnico em assuntos educacionais - Indigenismo (AGU) 152 vagas
    Técnico em assuntos educacionais - Antropologia (AGU) 19 vagas
    Especialista em indigenismo - Assistente Social (Funai) 21 vagas
    Especialista em indigenismo - Sociologia (Funai) 12 vagas
    Especialista em indigenismo - Pedagogia (Funai) 2 vagas
    Analista de planejamento, gestão e infraestrutura em informações geográficas e estatísticas - Psicopedagogia (IBGE) 1 vaga
    Pesquisador em informações geográficas e estatísticas - Demografia (IBGE) 2 vagas
    Tecnologista em informações geográficas e estatísticas - Demografia (IBGE) 1 vaga
    Analista em reforma e desenvolvimento agrário - Antropologia 58 vagas
    Pesquisador-tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais (INEP) 10 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Ciências Humanas, Saúde e/ou Sociais Aplicadas (MCTI) 13 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Políticas Públicas de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) 8 vagas
    Analista Técnico-Administrativo - História (MGI) 8 vagas
    Analista Técnico de Políticas Sociais - ATPS (MGI, MJSP, MDHC, MEC) 460 vagas
    Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental – EPPGG (MGI) 20 vagas
    Técnico em Assuntos Educacionais - Pedagogia (MGI) 2 vagas
    Tecnologista - Área da saúde (MS) 66 vagas
    Tecnologista - Fomento do Complexo Econômico-
    Industrial da Saúde (MS)
    15 vagas
    Tecnologista - Farmácia (MS) 25 vagas
    Tecnologista - Área da saúde (MS) 71 vagas
    Analista Técnico-Administrativo (MPI) 30 vagas

     

    Bloco 6: Setores Econômicos e Regulação 359 vagas
    Economista (AGU) 35 vagas
    Especialista em regulação de serviços públicos de energia (Aneel) 30 vagas
    Especialista em Regulação de Saúde Suplementar (ANS) 35 vagas

    Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Aquaviários (Antaq)

    30 vagas
    Especialista em Indigenismo - Economia (Funai) 24 vagas
    Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas - Relações Internacionais (IBGE) 3 vagas
    Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas - Economia (IBGE) 29 vagas
    Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário - Economia (Incra) 5 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Ciências Humanas e Sociais Aplicadas (MCTI) 11 vagas
    Economista (MGI) 27 vagas
    Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental – EPPGG (MGI) 15 vagas
    Analista de Comércio Exterior – ACE (MDIC) 50 vagas
    Economista (MDIC) 10 vagas
    Economista (MPO) 15 vagas
    Especialista em Previdência Complementar (Previc) 25 vagas

     

    Bloco 7: Gestão Governamental e Administração Pública 1748 vagas
    Administrador (AGU) 154 vagas
    Analista Técnico-Administrativo (AGU) 90 vagas
    Arquivista (AGU) 2 vagas
    Contador (AGU) 47 vagas
    Técnico em Comunicação Social (AGU) 9 vagas
    Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas - Ciências contábeis e gestão de pesquisa (IBGE) 26 vagas
    Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas - Planejamento, Orçamento e gestão administrativa, auditoria e corregedoria (IBGE) 152 vagas
    Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas - Letras (português-inglês) (IBGE) 4 vagas
    Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas - Educação corporativa e administração escolar (IBGE) 6 vagas
    Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas - Planejamento e gestão técnica, Planejamento e gestão administrativa (IBGE) 41 vagas
    Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas - Arquivologia (IBGE) 2 vagas
    Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas - Biblioteconomia (IBGE) 4 vagas
    Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas - Comunicação Social (IBGE) 28 vagas
    Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas - História (IBGE) 2 vagas
    Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas - Produção audiovisual e publicidade e propaganda (IBGE) 10 vagas
    Especialista em Indigenismo - Administração (Funai) 26 vagas
    Especialista em Indigenismo - Arquivologia (Funai) 1 vaga
    Especialista em Indigenismo - Biblioteconomia (Funai) 6 vagas
    Especialista em Indigenismo - Comunicação Social (Funai) 10 vagas
    Analista Administrativo - Geral (Incra) 102 vagas
    Analista Administrativo - Contabilidade (Incra) 21 vagas
    Analista Administrativo - Comunicação Social (Incra) 8 vagas
    Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário (Incra) 238 vagas
    Pesquisador-tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais (INEP) 20 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Geral (MCTI) 106 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Biblioteconomia (MCTI) 5 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Arquivologia (MCTI) 4 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Contabilidade (MCTI) 5 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Comunicação Social (MCTI) 15 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia - Políticas Públicas de Ciência, Tecnologia e Inovação(MCTI) 14 vagas
    Analista em Ciência e Tecnologia (Mapa) 18 vagas
    Analista Técnico-Administrativo (MinC) 50 vagas
    Bibliotecário (MGI) 4 vagas
    Contador (MGI) 5 vagas
    Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental – EPPGG (MGI) 80 vagas
    Técnico em Comunicação Social (MGI) 10 vagas
    Analista Técnico-Administrativo (MJSP) 100 vagas
    Tecnologista - Administração, Contabilidade, Economia ou Estatística (MS) 9 vagas
    Analista Técnico-Administrativo (MDIC) 50 vagas
    Analista Técnico-Administrativo (MPO) 45 vagas
    Analista Técnico-Administrativo (Previc) 9 vagas

     

    Bloco 8: Nível Médio 692 vagas
    Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas (IBGE) 300 vagas
    Técnico em Indigenismo (Funai) 152 vagas
    Agente de atividades agropecuárias (Mapa) 100 vagas
    Agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal (Mapa) 100 vagas
    Técnico de laboratório - Curso Técnico em Biotecnologia, Análise Clínicas, Metrologia, Química, Agroindústira, Alimentos, Farmácia, Viticultura e Enologia (Mapa) 40 vagas

     

     Legenda dos órgãos do CNU:

    AGU Advocacia Geral da União
    Aneel Agência Nacional de Energia Elétrica
    ANS Agência Nacional de Saúde Suplementar
    Antaq Agência Nacional de Transportes Aquaviários
    Funai Fundação Nacional dos Povos Indígenas
    IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística
    Incra Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária
    INEP Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira
    Mapa Ministério da Agricultura e Pecuária
    MCTI Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação
    MDIC Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços
    MDHC Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania
    MEC Ministério da Educação
    MGI Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos
    MinC Ministério da Cultura
    MJSP Ministério da Justiça e Segurança Pública
    MPO Ministério do Planejamento e Orçamento
    MS Ministério da Saúde
    MTE Ministério do Trabalho e Emprego
    Previc Superintendência Nacional de Previdência Complementar

     

    Provas

    Como forma de avaliação, os interessados serão submetidos a cinco etapas, sendo elas as seguintes:

    • 1° fase: provas objetivas e discursivas
    • 2° fase: perícia médica: reserva de vagas para pessoas com deficiência
    • 3° fase: procedimento de verificação da condição declarada – reserva de vagas para pessoas negras
    • 4° fase: procedimento de verificação documental complementar – reserva de vagas para indígenas

    As provas do concurso estão previstas para serem aplicadas no dia 5 de maio de 2024, e compostas da seguinte forma: 70 questões objetivas para os cargos de nível superior e 60 questões objetivas para os cargos de nível médio.

    Além disso, os candidatos serão avaliados por meio de questão discursiva para os cargos de nível superior e uma redação para os cargos de nível médio.

    Confira abaixo:

    Matutino 

    • 2h30 de prova
    • Nível superior - provas objetivas de conhecimentos gerais (20 questões) + prova discursiva de conhecimento específico do bloco;
    • Nível médio - provas objetivas (20 questões) + redação.

    Vespertino

    • 3h30 de prova
    • Nível superior - provas objetivas de conhecimentos específicos (50 questões);
    • Nível médio - provas objetivas (40 questões).

    As questões de conhecimentos específicos terão pesos diferentes de acordo com o cargo pretendido pelos candidatos.

    Relação de inscritos

    Inscritos por localidade

    São Paulo é o estado com maior número de candidatos, são 228.452 no total, seguido por Rio de Janeiro com 223.248. Enquanto dos municípios, Brasília tem a primeira posição, com 220.442 participantes no CNU.

    Confira a tabela completa.

    Colocação Município Inscritos
    1º DF        BRASÍLIA 220.442
    2º RJ        RIO DE JANEIRO 127.248
    3º SP SÃO PAULO 88.050
    4º BA SALVADOR 68.005
    5º MG BELO HORIZONTE 62.658
    6º PA BELÉM 57.315
    7º PE RECIFE 53.169
    8º GO GOIÂNIA 46.836
    9º MA SÃO LUÍS 45,723
    10º AM MANAUS 45.667
    11º CE FORTALEZA 39.727
    12º RS PORTO ALEGRE 38.292
    13º PI TERESINA 34.144
    14º PR CURITIBA 32.685
    15º SE ARACAJU 31.627
    16º RN NATAL 28.447
    17º PB JOÃO PESSOA 25.397
    18º MT CUIABÁ 25.066
    19º AL MACEIÓ 23,397


    Inscritos por bloco

    Confira a seguir os inscritos por bloco temático no CNU.

    Blocos Temáticos Vagas ofertadas Total de Inscritos
    1. Infraestrutura, Exatas e Engenharias 727 121.838
    2. Tecnologia, Dados e Informação 597 77.943
    3. Ambiental, Agrário e Biológicas 530 102.922
    4. Trabalho e Saúde do Servidor 971 336.284
    5. Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos 1.016 300.766
    6. Setores Econômicos e Regulação 359 74.283
    7. Gestão Governamental e Administração Pública 1.748 429.370
    8. Nível Intermediário 692 701.029
    Total 6.640 2.144.435


    Cargos com maior procura

    A seguir você pode conferir os 20 cargos mais procurados por quem se inscreveu no CNU.


    Posição Cargo Inscrições Bloco
    Técnico em Indigenismo (FUNAI) - Nível Médio 323.250 8
    Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas (REGIÃO NORDESTE) (IBGE) - Nível Médio 316.543 8
    Auditor-Fiscal do Trabalho (MTE) - Auditoria e Fiscalização 315.899 4
    Analista Técnico-Administrativo (AGU) - Graduação em qualquer área de conhecimento 297.114 7
    Analista Técnico-Administrativo (MGI) - Graduação em qualquer área de conhecimento 288.859 7
    Analista Administrativo (INCRA) - Graduação em qualquer área de conhecimento 286.236 7
    Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário (INCRA) - Graduação em qualquer área de conhecimento 272.201 7
    Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas (REGIÃO SUDESTE) (IBGE) - Nível Médio 268.669 8
    Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (MGI) - Graduação em Qualquer Área de Conhecimento 246.241 7
    10º Analista em Ciência e Tecnologia (MCTI) - Graduação em qualquer área de conhecimento 243.138 7
    11º Analista Administrativo (PREVIC) - Graduação em qualquer área de conhecimento 230.545 7
    12º Analista Técnico-Administrativo (MJSP) - Qualquer Área de Conhecimento 227.750 7
    13º Analista Técnico-Administrativo (MPO) - Graduação em qualquer área de conhecimento 219.974 7
    14º Analista Técnico-Administrativo (MDIC) - Graduação em qualquer área de conhecimento 218.879 7
    15º Analista Técnico de Políticas Sociais (MGI) - Graduação em qualquer área de conhecimento 217.057 5
    16º Analista Técnico-Administrativo (MINC) - Graduação em qualquer área de conhecimento 215.360 7
    17º Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas (REGIÃO NORTE) (IBGE) - Nível Médio 208.287 8
    18º Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas (REGIÃO CENTRO-OESTE) (IBGE) - Nível Médio 202.896 8
    19º Pesquisador-Tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais (INEP) - Graduação em qualquer área de conhecimento 196.006 7
    20º Analista em Ciência e Tecnologia (MAPA) - Graduação em qualquer área de conhecimento 192.295 7

    Solicitantes de cotas e atendimento especial

    Confira a seguir os solicitantes de cotas e atendimento especial.

    Inscrições confirmadas de solicitantes de cotas
    Negros 420.793
    PcD 45.564
    Indígenas 10.444
    Solicitação de Atendimento Especial 54.219

    Como devo me preparar para o CNU?

    Trabalhar a saúde mental e o foco, organização, rotina, conteúdo programático, simulados. São diversas as etapas para construir o caminho da aprovação em concursos públicos.

    No IMP Concursos contamos com os professores mais qualificados do mercado, além de um time pedagógico excepcional, desde coordenadores a produtores de conteúdos. É por isso que oferecemos os cursos ideais para você se superar, sair na frente da concorrência e conquistar a tão sonhada vaga no serviço público.

    Converse com um de nossos consultores e venha agora mesmo fazer parte desta seleção de aprovados.

    QUERO SER APROVADO NO CNU

    O que estudar para as provas?

    Como a maioria dos concursos, o CNU prevê em seu conteúdo programático: conhecimentos gerais, comuns a todos os cargos; eixo de conhecimentos específicos, variável bloco a bloco.

    Além disso, os conhecimentos gerais também variam de acordo com o grau de formação selecionado pelo candidato.

    Para os blocos de nível superior, o conteúdo de Conhecimento Geral fica da seguinte forma:

    • Políticas públicas;
    • Desafios do Estado de Direito: democracia e cidadania;
    • Ética e integridade;
    • Diversidade e inclusão na sociedade;
    • Administração Pública Federal;
    • Finanças públicas.

    Enquanto para o de nível médio, dispõe-se assim:

    • Língua Portuguesa;
    • Direito Constitucional;
    • Direito Administrativo;
    • Matemática;
    • Realidade brasileira.

    Confira a seguir os eixos do conteúdo programático em relação aos Conhecimentos Específicos de cada bloco do CNU:

    Bloco 1

    • Gestão Governamental e Governança Pública
    • Políticas Públicas
    • Gestão Ambiental e Tecnológica, Sustentabilidade e Energia
    • Planejamento e Gestão de Obras, Políticas Públicas de Infraestrutura e Acessibilidade
    • Engenharia Cartográfica e Geoprocessamento

     

    Bloco 2

    • Gestão Governamental e Governança Pública
    • Políticas Públicas
    • Gerência e Suporte da Tecnologia da Informação
    • Desenvolvimento de Software
    • Apoio à decisão, inteligência artificial e métodos quantitativos

     

    Bloco 3 

    • Gestão Governamental e Governança Pública;
    • Políticas Públicas;
    • Caracterização da paisagem do meio rural;
    • Práticas de produção agropecuária no meio rural;
    • Desenvolvimento sustentável no meio rural.

     

    Bloco 4 

    • Gestão Governamental e Governança Pública;
    • Políticas públicas;
    • Sociologia e Psicologia aplicadas ao trabalho;
    • Segurança e Saúde do trabalhador e trabalhadora;
    • Direito do Trabalho.

     

    Bloco 5 

    • Gestão Governamental e Governança Pública;
    • Políticas Públicas: educação, ciência e tecnologia e justiça;
    • Políticas Públicas: saúde e desenvolvimento social;
    • Direito humanos, dos povos originários e das populações tradicionais;
    • Pesquisa e avaliação.

     

    Bloco 6 

    • Gestão Governamental e Governança Pública;
    • Políticas Públicas e Análise de dados;
    • Economia, Economia solidária e contexto internacional;
    • Orçamento Público, Contabilidade e Regulação;
    • Inglês.

     

    Bloco 7 

    • Gestão Governamental e Governança Pública: estratégia, pessoas, projetos e processos;
    • Gestão Governamental e Governança Pública: riscos, inovação, participação, logística e patrimônio;
    • Políticas públicas e Noções de Estatística;
    • Administração Financeira e Orçamentária, Contabilidade Pública e Compras Administração Pública;
    • Comunicação, Gestão documental, Transparência e Proteção de Dados.

    Resumo

    Garanta já sua aprovação estudando com o IMP Concursos.

      Tudo o que você precisa saber do mundo dos concursos públicos em um só lugar!

      Entre agora para o grupo de notícias do IMP Concursos no whatsapp e fique por dentro de todas as novidades em tempo real! Clique no botão abaixo:

      QUERO FICAR BEM INFORMADO

      Voltar para o blog

      Ficou com alguma dúvida?

      Entre em contato com o nosso atendimento