ATENDIMENTO: 0800 602 67 69

Concursos Carreiras Legislativas: como se preparar?

Com previsão dos concursos do Senado, Câmara dos Deputados e TCU para 2021, a carreira legislativa se tornou o sonho de muitos candidatos.

Os Concursos para Carreiras Legislativas trazem muitos benefícios e por isso são muito cobiçados por quem deseja ingressar na carreira pública. Nesse artigo, nosso blog vai mostrar para você os aspectos principais das carreiras legislativas, suas vantagens e também como se preparar para esses certames.

Então, se você está se preparando ou quer começar a se preparar, confira todas as informações que preparamos e mão a obra.

Para nos ajudar nessa missão o blog consultou dois professores muito experientes na área. Nossos especialistas Júlio Ponte, policial legislativo do Senado Federal e professor de Regimento Interno do Senado Federal, Regimento Comum do Congresso Nacional e Legislação de Trânsito, e Paulo Mohn, consultor legislativo do Senado e professor de Processo Legislativo, Regimento Interno do Senado Federal e Regimento Comum do Congresso Nacional.

Principais benefícios das Carreiras Legislativas

  • Excelente Remuneração;
  • Plano de Saúde;
  • Plano de carreira com excelente perspectiva de ascensão profissional;
  • Possibilidade de treinamentos;
  • Na Câmara e Senado os aumentos podem ser superiores ao que o governo defere aos funcionários públicos.

Quais as funções do Poder Legislativo?

  • Ser representante do povo brasileiro;

Normatizar os assuntos de interesse nacional;

  • Fazer a fiscalização da aplicação dos recursos públicos, como a do poder executivo.

Quais são os principais concursos para carreiras legislativas?

Os principais são os concursos do Congresso Nacional: Senado Federal e Câmara dos Deputados. Mas também temos 26 Assembleias Legislativas, a Câmara Legislativa do Distrito Federal e inúmeras Câmaras Municipais.

Previsão de concursos Carreiras Legislativas 2021

No Projeto de Lei Orçamentária Anual 2021 (PLOA) encaminhado pelo Poder ao Congresso Nacional, estão previstas cerca de 140 vagas para provimento de vagas no poder Legislativo, divididas da seguinte forma:

  • Câmara dos Deputados: 70 vagas
  • Senado Federal: 40 vagas
  • TCU: 30 vagas

Quem está de olho na vaga de um concurso de carreiras legislativas deve se preparar de que forma?

Os concursos para o legislativo são bem específicos e cada cargo e especialidade têm suas respectivas matérias. Mas duas sugestões são importantes:

  • Iniciar o quanto antes a preparação;
  • Olhar o último edital do cargo que está interessado e estudar todo o conteúdo antes de sair o edital que ele espera. Assim, terá tempo até a prova de estudar as possíveis diferenças de conteúdo entre os certames.

Quais são as matérias mais comuns aos certames de carreiras legislativas?

Podemos destacar: Direito Constitucional, Processo Legislativo, Regimento Interno do Senado Federal, Regimento do Comum Congresso Nacional, Língua Portuguesa, Conhecimentos Gerais.

Existe um tipo de preparação específica para quem quer estudar para concursos de carreiras legislativas?

É fundamental se preparar antecipadamente, de preferência com a ajuda de cursos preparatórios e bom material didático, especialmente com relação às matérias específicas. Normalmente, os concursos são voltados para temas do Legislativo, que nem sempre são dominados pelas pessoas em geral. Então, é importante ter esse foco voltado para a preparação desse tipo de concurso.

Existem matérias que só caem para concursos legislativos, como o regimento interno da Casa. Por ter uma linguagem muito específica, é difícil para o aluno estudar sozinho. É necessário o auxílio de um professor/material focado nessa legislação e voltado para concursos. E como é uma matéria que os concurseiros em geral não estudam, ela faz toda a diferença.

• IMP PLANNER

Por que se preparar para uma carreira específica pode ser vantajoso para o candidato?

A principal vantagem é ter um objetivo definido. Os concursos hoje em dia exigem muita preparação e um nível de acerto muito elevado nas provas. Isso só acontece com a verticalização do conhecimento, ou seja, se você dominar o mais profundamente possível o conteúdo cobrado nas provas.

Portanto, se o candidato ficar estudando para diversos concursos simultaneamente, a tendência é que ele não consiga aprofundar o conhecimento necessário, vai saber um pouco sobre muita coisa, e isso não leva à aprovação de ninguém. Ou senão, vai precisar de muito tempo para aprofundar esse conhecimento tão vasto, e vai demorar para ser aprovado.

Concursos carreiras legislativas: Senado Federal 2021

Muito aguardado, muito concorrido e com salários que podem chegar a mais de 28 mil reais, o concurso para carreiras legislativas do Senado Federal é o nosso destaque de hoje no Blog.

O certame que estava previsto para 2020 e foi adiado por conta da pandemia, deve acontecer ano que vem. Como já dissemos o concurso está previsto no PLOA 2021 e assim que a situação da pandemia caminhar para a melhora, vai haver “clima” para esse edital e muitos outros.

Há expectativa de em 2021 termos concurso para o Senado, para quem quer começar a se preparar, qual o melhor caminho?

Ainda não sabemos quando o concurso, que está suspenso, será retomado. Mas quem quer começar a preparação, a dica é estudar pelo último edital, de 2012.

Possivelmente haverá mudanças, mas aí o candidato que já viu tudo tem o tempo entre o edital até a prova para estudá-las. O que não vai ser eficaz é começar a estudar só após o edital, pois já há muitos candidatos se preparando desde já.

O Senado Federal é um concurso que requer uma preparação a longo prazo? Por que?

Sim, pelo nível da concorrência. Principalmente pelo salário, sem citar outros benefícios, é um concurso que atrai muita gente. Então a nota de corte tende a subir. O candidato tem que estar em um bom nível em todas as disciplinas do edital, o que requer tempo de preparação.

É um concurso muito específico, que – dependendo do cargo – exige conhecimento de temas que em geral não são de domínio geral, como Direito Constitucional (com ênfase em Poder Legislativo), processo legislativo e Regimento Interno.

O que estudar antes da publicação do edital para o concurso do Senado?

O edital anterior! Focar no de finalizar o edital anterior antes da publicação do próximo.

• COACHING 2.0

Quais os cargos existem no Senado Federal?

O Senado possui diversos cargos., as que estão autorizadas para o próximo concurso são:

I – Técnico Legislativo na especialidade Policial Legislativo, com requisito de escolaridade de nível médio: 24 (vinte e quatro) vagas;

II – Advogado na especialidade Advocacia, com requisito de escolaridade de nível superior: 4 (quatro) vagas;

III – Analista Legislativo na especialidade Administração, com requisito de escolaridade de nível superior: 2 (duas) vagas;

IV – Analista Legislativo na especialidade Arquivologia, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

V – Analista Legislativo na especialidade Assistência Social, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

VI – Analista Legislativo na especialidade Contabilidade, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

VII – Analista Legislativo na especialidade Enfermagem, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

VIII – Analista Legislativo na especialidade Informática Legislativa, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

IX – Analista Legislativo na especialidade Processo Legislativo, com requisito de escolaridade de nível superior: 2 (duas) vagas;

X – Analista Legislativo na especialidade Registro e Redação Parlamentar, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

XI – Analista Legislativo na especialidade Engenharia do Trabalho, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

XII – Analista Legislativo na especialidade Engenharia Eletrônica e Telecomunicações, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga.

Mas lembre-se que essas são as vagas imediatas. Ao longo do prazo de validade do concurso excedentes podem ser chamados.

Em quais matérias o aluno pode apostar como uma diferenciação na aprovação para os concursos ?

Nas matérias específicas conforme o cargo e especialidade escolhida, que pode ser conferida no edital anterior. Em geral, farão diferença Direito Constitucional e, conforme o caso, processo legislativo e regimento interno. Também Língua Portuguesa e Conhecimentos Gerais, como matérias comuns.

Fazer exercícios de provas anteriores, estudar pelos editais passados é uma boa estratégia?

Sim, é fundamental e indispensável.

Os concursos anteriores foram realizados pela FGV. Ainda não se sabe qual será a banca do próximo concurso. Mas os exercícios de provas anteriores são também bastante úteis para você verificar como a matéria é cobrada em prova e, sobretudo, para fixar o conteúdo.

Mas achar exercícios anteriores é um pouco difícil, pois tivemos poucos concursos. Para isso, o IMP Online lançou um curso de exercícios de regimento interno.

Últimos editais.

http://www.senado.leg.br/transparencia/rh/concursos/pdf/Edital04_2011-CargoPolicial.pdf

http://www.senado.leg.br/transparencia/rh/concursos/pdf/Edital03_2011-CargoTecnico.pdf

http://www.senado.leg.br/transparencia/rh/concursos/pdf/Edital02_2011-CargoAnalista.pdf

Qual a vacância atual do Senado Federal?

Dados de 3 de dezembro:

I – Técnico Legislativo na especialidade Policial Legislativo: 180 vagas;

II – Advogado na especialidade Advocacia: 6 vagas;

III – Analista Legislativo na especialidade Administração: 112 vagas;

IV – Analista Legislativo na especialidade Arquivologia: 7 vagas;

V – Analista Legislativo na especialidade Assistência Social: 3 vagas;

VI – Analista Legislativo na especialidade Contabilidade: 7 vagas;

VII – Analista Legislativo na especialidade Enfermagem: 5 vagas;

VIII – Analista Legislativo na especialidade Informática Legislativa: 69 vagas;

IX – Analista Legislativo na especialidade Processo Legislativo: 232 vagas;

X – Analista Legislativo na especialidade Registro e Redação Parlamentar: 36 vagas;

XI – Analista Legislativo na especialidade Engenharia do Trabalho: 3 vagas;

XII – Analista Legislativo na especialidade Engenharia Eletrônica e Telecomunicações: 3 vagas.

Entre a autorização do concurso, publicação do edital e aplicação de provas, geralmente pelo ritual da casa quanto tempo há de intervalo?

Aproximadamente 3 meses, o que não é suficiente para estudar todo o conteúdo programático do zero. Por isso a necessidade de uma preparação prévia. E o IMP, assim como eu mesmo, temos opções a oferecer desde já para quem quer ocupar um cargo no Senado Federal!

Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *